Atividades

Aquarela


A pintura aquarela é feita semanalmente a partir do maternal. Este tipo de tinta é o mais adequada para as crianças. A aquarela usada é feita de pigmento natural, as tintas usadas são líquidas e a folha de canson é usada úmida. Este detalhe faz com que as cores ganhem um movimento, quase uma dança no papel, que é observada com atenção e enlevo pelas crianças. Usamos somente as cores primárias e como não há possibilidade de desenhar formas por causa da fluidez da tinta, a vivência é primordialmente da cor. A atividade de pintura em aquarela acaba por proporcionar às crianças a descoberta de inúmeras cores que surgem quando há o encontro das cores primárias e secundárias, despertando sua curiosidade e sua admiração pelas incríveis possibilidades de tons.


Desenho Livre


Na Pedagogia Waldorf, ensina-se a desenhar superfícies e nunca o contorno. O que vemos no mundo não são os contornos, e sim o espaço preenchido por cores. São as diferenças de cores que determinam as formas e os contornos. Fazer uma criança desenhar os contornos com linhas seria forçar um desenvolvimento intelectual precoce, já que contorno sem as cores é uma abstração que não corresponde à realidade percebida pela visão. Assim, é importante que a criança aprenda a criar os contornos a partir das superfícies, pelas diferenças de cores. É muito mais fácil preencher superfícies com cores usando giz de cera do que com lápis ou caneta. Em particular, os blocos (tijolinhos) são excelentes nesse sentido, principalmente por crianças pequenas.

Modelagem


Modelar significa “dar forma”. Através desse trabalho, damos forma ao que vivemos em um mundo interior. Para trabalharmos com a cera de abelha, precisamos prepara-la e aquece-la primeiro em nossas mãos com o calor do nosso corpo. Esse momento trabalha a paciência e a persistência, fazendo aflorar o nosso querer. Assim, dobramos, esticamos e produzimos lindos trabalhos, que endurecem e mantém a sua forma até a hora de guardar o nosso material.

Jardinagem


Com essa prática prazerosa de mexer com a terra nos abrimos para o conhecimento da natureza,dos alimentos e ervas, acompanhando o aprendizado na prática. Vivenciamos o preparar a terra, o plantar, o cuidar, o colher e por vezes comer o fruto do plantio. Aprendemos a valorizar a relação do meio ambiente com o homem, e ao ver uma planta crescer no jardim fortalecemos nossas forças interiores de evolução e desenvolvemos respeito e veneração à natureza.


Música


A música permeia o nosso dia a dia. Cantamos para brincar, para arrumar, para lanchar... Para marcar o nosso tempo. A música faz o dia ser leve e animado, trazendo alegria em todos os momentos. Com a música, trazemos o ritmo, a harmonia e a beleza ao nosso entorno. Com ela, trabalhamos a fala, aprendemos novas palavras, vivenciamos o mundo e contamos histórias, aguçando a nossa memória para conhecer as melodias e letras.

Ao cantarmos junto com a criança, damos a ela a oportunidade de trazer a beleza da música para o mundo.

Hora do Conto


Contar histórias é uma forma muito antiga de educar, sendo esta uma atividade sempre presente em todos os anos em escolas Waldorf. As histórias a serem contadas são escolhidas de acordo com a idade, isto é, com o grau de desenvolvimento psíquico da criança, com o objetivo de harmonizar as energias internas do seu inconsciente com as vivências do dia a dia.

Roda Rítmica


A roda rítmica traz as músicas da época e um verso que coroa esse momento. Com isso, vivenciamos os diferentes momentos do ano, conhecemos músicas diferentes, e descobrimos a sensibilidade para a poesia e a beleza da língua.

Brincadeiras Motoras


Aqui as crianças aprendem a potencializar e desenvoler coordenação motora, equilíbrio, lateralidade, noção espacial e temporal. São oferecidos estímulos através de brincadeorase através destas a consciência corporal reproduz capacidades que proporcionam maturidade para uma futura alfabetização.


Panificação/Culinária


Fazer o pão é uma atividade muito especial que cada sala realiza uma vez por semana. Neste momento junto com as crianças buscamos os ingredientes, separamos os utensílios domésticos, vestimos nossos aventais,lavamos as mãozinhas,recebemos um pouco de farinha na palma da mão e descobrimos aromas, texturas, temperaturas e sabores.Amassamos,sovamos e moldamos formas com a massa.Colocamos diferentes grãos,sementes e ervas para o nosso pão ficar mais gostoso. Enquanto esperamos o alimento ficar pronto, arrumamos e organizamos todo o espaço por nós usado,logo o cheirinho nos avisa a hora de sentarmos e compartilharmos o que preparamos. Alimentamos não só o corpo, mas a alma com amor e devoção, vivenciando bons momentos e por vez partilhamos com as famílias.

Brincar Fora e Brincar Dentro


Para a criança, o mundo é uma eterna surpresa, novidade e motivo de admiração. Na criança, observamos o movimento constante, um grande impulso em direção ao mundo e gera a ação, ou seja, a brincadeira. Ao brincar, a criança compreende o mundo e treina suas habilidades sociais, aprendendo através da experimentação seu próprio corpo, o meio ambiente e as relações sociais.

Um brincar sadio é um brincar livre, motivado pelo desejo de conhecer e experimentar, e através dele acontece o desenvolvimento físico, motor, social e psíquico.

Arrumação do Ambiente


Toda a atividade, para desenvolver-se equilibradamente, exige um preparo, um início, um desenvolvimento e uma finaliza.ção. Esta última permitirá que outra atividade se desenvolva. A arrumação simboliza a finalizaç

ão do processo, e se não existe, todo o processo da atividade (seja o brincar, seja o desenho ou mesmo o lanche) não é compreendido como um todo. Ao arrumarmos, criamos um hábito de organização e completude, e não deixar pendências deixa a criança voltada para a sua próxima atividade, sem gerar ansiedade por não concluir o que passou.

Trabalhos Manuais


O trabalho manual tem um importante papel no desenvolvimento da vontade. Através dele, a criança traz ao mundo o que vive dentro dela, organizando e aperfeiçoando. Assim, começa a perceber os inúmeros trabalhos que suas mãos são capazes de criar. “Olha que lindo o que eu fiz!”. O trabalho que a criança faz tem significado e utilidade no mundo, e isso a motiva assim como a imagem do trabalho pronto.
O uso das mãos coroa todo o sistema de movimentos, e nas manualidades, usamos movimentos sequenciais cuidadosamente planejados.

Aquarela

Jardinagem

Música

Brincadeiras Motoras

Panificação / Culinária

Brincar Fora e Brincar Dentro

Trabalhos Manuais

Arrumação do Ambiente

Cera de modelagem

IMG-20160216-WA0033.jpg

IMG-20160216-WA0036.jpg

IMG-20160216-WA0032.jpg

IMG-20160216-WA0031.jpg

IMG-20160216-WA0030.jpg

(13) 3354-24-78

Praia do Guaiúba Guarujá

Av. Humberto Prieto Perez, 624

Jardim Guaiúba • Guarujá • SP

CEP: 11421-200

FALE COM A GENTE